Biscoitos de castanhas de Munguba (falso cacau)

Procurei em livros e na internet receitas que utilizassem castanhas de Munguba, conhecidas como falso cacau, mas não encontrei nenhuma. Resolvi fazer, entre leite vegetal e farinha, deliciosos biscoitinhos! Espero que aprove!

Ingredientes:

200 g de farinha de trigo

1 xícara de castanhas de Munguba

100 g de açúcar refinado

100 g de margarina

¼ de colher de café de cardamomo em pó

1 colher de café de fermento em pó

Modo de preparo:

Corte as pontinhas da pele das castanhas, coloque as castanhas em uma assadeira, leve para assar em forno alto até a pele ficar dourada. Depois de assadas e frias, remova as peles, bata-as no liquidificador, reserve. Em um bowl, bata um pouco a margarina, em seguida, adicione o açúcar, as castanhas reservadas, a farinha, o cardamomo e o fermento, misture tudo rapidamente com a mão e deixe a massa descansar por 1 hora em lugar frio ou na geladeira. Após a massa descansar, abra-a em uma superfície na espessura de ½ cm, corte os biscoitos no molde desejado, leve-os para assar em forma sem untar, em forno médio até dourarem.

Dicas:

É importante que as pontas das castanhas sejam cortadas para evitar que elas estourem dentro do forno quando estiverem assando. Assadas com a pele e logo após serem colhidas, ou seja, antes que estejam totalmente secas, ficam com um sabor semelhante ao da castanha portuguesa.

   DSC06911   DSC06899

   DSC06896

Castanha surpreendente, biscoitos deliciosos!

Maria Sônia

Anúncios

5 pensamentos sobre “Biscoitos de castanhas de Munguba (falso cacau)

  1. Digo, verdes… experimentei e são doces, porém só prova de toque de língua mesmo pq n sei se podem ser consumidas assim hehehe

    • Olá Débora. É um dos tipos de castanhas que não se encontra no comércio. Ficando o privilegio para que mora no campo em que exista plantio dessa árvore, que dependendo da região encontrará com facilidade. Eu as colho no interior de São Paulo. Na grande São Paulo também encontra-se alguns pés, o problema é encontrar frutas maduras, pois normalmente frequentadores dos parques retiram antes, para brincarem. Por não saber que são comestível.Muito obrigada pelo comentário. Abs, Maria Sônia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s