Bacalhau gratinado “sonho meu”

A Páscoa se aproxima e temos que comemorar essa data que significa renascimento principalmente neste momento difícil de isolamento social e reclusão. Pensei em uma receita prática e de fácil preparo, sem que perca com isso o sabor especial e o requinte. Que tal preparar um suflê de bacalhau gratinado pra alegrar o almoço ou jantar de sua casa? Sugiro fortemente experimentar, pois, essa receita é um sonho de tão deliciosa!

Ingredientes:

300 g de bacalhau dessalgado

200ml de leite de coco (usei Sococo)

3 colheres de sopa de maisena

2 colheres de sopa de água

3 ovos (gemas e claras separadas)

150 g de queijo em cubos (usei meia cura)

1 cebola brunoise (cortada em cubinhos pequenos)

2 tomates concassé (sem pele e sem sementes em cubos pequenos)

Noz-moscada e pimenta do reino branca moída na hora a gosto

Modo de preparo:

Dessalgue o bacalhau, deixando-o imerso em água de um dia para o outro trocando a água nesse intervalo de tempo. No dia seguinte, escorra a água do demolho, cubra-o com água fervente e escorra em seguida, reserve. Em uma panela, coloque o leite de coco, adicione a maisena diluída em 2 colheres de sopa de água e leve a panela ao fogo baixo, cozinhe mexendo continuadamente até obter um mingau, desligue o fogo, adicione as gemas uma a uma mexendo energeticamente para que as gemas não escaldem. Em seguida, adicione o tomate, a cebola, o queijo cortado em cubos pequenos, a noz-moscada, a pimenta, as claras batidas em neve, e, por último o bacalhau desfiado grosseiramente em pequenos pedaços. Misture tudo delicadamente, despeje em um refratário que possa ir ao forno, untado com manteiga ou margarina e polvilhado com farinha de rosca. Asse em forno médio preaquecido por uns 30 minutos ou até que esteja dourado. Sirva quente. Sugestão para acompanhamento: arroz e legumes salteados.

Dicas:

O bacalhau dessa receita pode ser substituído por merluza ou pescada.

Bom apetite e Feliz Páscoa!

Maria Sônia