Buchada mista (com sarapatel)

Tradicionalmente se prepara buchada a partir do bucho caprino, no entanto, pode-se utilizar o bovino e o ovino da mesma forma. Essa preparação utiliza o bucho de boi e o sarapatel (feito com carne suína), por isso, “buchada mista”. O segredo para obter o sabor delicioso é a preparação cuidadosa e o tempero bem feito. Prove e delicie-se!

Ingredientes:

Uma colmeia média de bucho bovino

Suco de um limão

1 litro de água para escaldar

600 g de sarapatel suíno

4 colheres de sopa de óleo

2 dentes de alho grandes

1 colher de chá de cominho em pó

1 e ½ colher de sobremesa de sal

1 colher de sobremesa de colorau ou páprica

½ maço de coentro ou cheiro verde

1 e ½ litros de água para a cocção

1 folha grade de louro

Modo de preparo:

Ferva um litro de água, retire do fogo, junte o caldo do limão e escalde o bucho por uns 5 minutos, escorra dispensando a água e reserve. Leve ao fogo uma panela com o óleo e o alho bem amassado e refogue-o, adicione o sarapatel, o cominho, o sal e a páprica, mexa, reduza o fogo e cozinhe sem adicionar água e sem deixar restar caldo. Retire do fogo, adicione o coentro bem picado, mexa, recheie o bucho reservado com o sarapatel. Feche as laterais com agulha e linha grossa ou barbante. Coloque a buchada em uma panela de pressão, adicione 1 e ½ litro de água e a folha de louro, leve ao fogo, quando ferver, tampe a panela e cozinhe por 30 minutos. Retire do fogo e deixe a pressão sair naturalmente, verifique se está macio, caso queira, cozinhe mais um pouco. Quando estiver ao seu gosto, retire a buchada da panela, mantendo-a em um refratário aquecido. Remova a folha de louro, leve a panela ao fogo, adicione farinha de mandioca e misture sem parar até formar um pirão. Sirva em seguida, acompanhado de arroz.

Uma iguaria!

Maria Sônia

Anúncios

Lombo suíno recheado

Que o último jantar de 2017 seja repleto de alegrias, comunhão e sabores especiais! Se decidiu preparar um lombo suíno para a ceia de Réveillon, sugiro que o faça recheado como a receita que segue, ficou bem macio e harmonioso. Aproveite e feliz Ano Novo!

Lombo

Ingredientes:

2 kg de lombo fresco

1 colher de sopa de alecrim fresco

2 colheres de sopa rasadas de sal grosso

4 colheres de sopa de óleo

2 dentes de alho grandes

300 ml de cerveja preta de boa qualidade

200 ml de água

Recheio

Ingredientes:

1 kg de purê de batata doce

1 e ½ xícaras de nozes

½ colher de sopa de salsa fresca

Molho

Ingredientes:

3 colheres de sopa rasadas de farinha de trigo

½ xícara de água

Modo de preparo:

Com uma faca longa, faça um corte na horizontal por todo o comprimento do lombo e depois, um corte na vertical, formando uma cruz, também por todo o comprimento da carne (com cuidado para não cortar as laterais). Tempere o lombo por dentro e por fora com o alecrim bem amassado com o sal grosso e reserve por 1 hora para absorver os temperos. Passado o tempo, recheie com o purê de batata, já misturado com as nozes picadas e temperado com a salsa. Amarre as pontas das duas extremidades do lombo com um barbante, reserve. Leve ao fogo uma panela larga e de preferência de fundo grosso, coloque o óleo, aqueça e doure o lombo de todos os lados, reduza o fogo, adicione o alho amassado e a água e cozinhe por 20 minutos. Adicione a cerveja e cozinhe por mais 20 minutos. Retire o lombo da panela e mantenha-o no forno baixo, no refratário que for servir, para mantê-lo aquecido. Adicione ao molho que ficou na panela a farinha de trigo dissolvida na água, cozinhe até obter um molho encorpado, despeje sobre o lombo e sirva.

Feliz 2018!

Maria Sônia

Rabada flambada com agrião e ervas

Tem gente que torce o nariz quando ouve falar em rabada, mas esse prato típico de origem europeia é apreciado por muitos no Brasil. Trata-se basicamente de um guisado cujo principal ingrediente é o rabo do boi, mas ainda leva verduras, legumes e temperos frescos e secos. Pode ser servido com arroz, polenta ou batatas.Experimente!

Ingredientes:

2 kg de rabada

2 litros de água fervente (para escaldar)

Suco de um limão

2 folhas grandes de louro

10 dentes de alho

½ xícara de cachaça de boa qualidade ou conhaque

1 colher de chá de hortelã

1 colher de chá de manjericão roxo

1 colher de sobremesa de colorau ou páprica

2 colheres de sobremesa de sal

1 litro de água para a cocção

1 maço de agrião

1 pimenta jalapenho (opcional)

Modo de preparo:

Coloque a rabada cortada em um bowl grande, adicione o suco de limão e despeje a água fervente, mexa e escorra dispensando a água. Aperte os pedaços entre as mãos para remover o excesso de água, coloque-os em uma panela de pressão, adicione o alho, o louro e leve a panela destampada ao fogo alto por 5 minutos, passado esse tempo, adicione a cacaça de uma só vez e ateie fogo com um fósforo para flambar a carne. Quando acabarem as labaredas, retire o fósforo, adicione a hortelã, o manjericão, o colorau e 1 litro de água, tampe a panela, leve ao fogo e cozinhe por 40 minutos, então desligue o fogo e deixe a pressão sair naturalmente. Destampe a panela e verifique se a carne está macia, adicione o sal e volte a panela ao fogo por mais 5 minutos ou, caso a carne não esteja ao ponto, adicione mais um pouco de água e cozinhe na pressão por mais uns 10 minutos. Em seguida, coloque a carne em um refratário aquecido, reservando o molho na panela, adicione o manjericão lavado e picado em pedaços grandes e a pimenta sem sementes ao molho e cozinhe até que o manjericão esteja murcho, junte à carne e sirva quente.

Dicas:

O acompanhamento para servir essa deliciosa carne, fica a seu critério, afinal irá combinar com qualquer uma que você escolher. Mas vou sugerir algumas para facilitar a sua escolha: arroz branco, polenta, quirera, batatas cozidas, ou, uma farofa preparada com o molho. Nesse caso, remova o manjericão juntando-o a carne no refratária, adicione farinha ao molha na panela em quantidade desejada, mexa e sirva em seguida.

   dsc09268   dsc09273

Seu paladar vai agradecer!

Maria Sônia

Frango com quirera

Uma receita com cara de caipira, pra comer com calma, apreciando cada nuance de sabor. Econômica e fácil de preparar, aproveite!

Ingredientes:

1 frango de 2 kg

1 limão

2 litros de água fervente

1 e ½ colher de sopa de sal grosso

1 colher de sopa de vinagre

½ colher de sopa de colorau

2 dentes grandes de alho

¼ de colher de sopa de cominho

A mesma medida de hortelã

½ maço de coentro e cebolinha fresca

200 g de quirera

1 cebola média

2 colheres de sopa de óleo

1,3 litro de água

Modo de preparo:

Coloque a quirera de molho de um dia para o outro. No dia seguinte, escorra a água e reserve. Leve ao fogo uma panela de pressão com o óleo e refogue a cebola bem picadinha sem deixá-la dourar. Junte a quirera reservada e refogue mais um pouco, sempre mexendo. Adicione 1,3 litro de água e deixe ferver, quando ferver, reduza o fogo, tampe a panela e cozinhe em fogo baixo por 25 minutos, desligue o fogo e mantenha na panela até a hora em que for adicionar a carne.

Enquanto isso, limpe e corte o frango em pedaços colocando-os em uma vasilha grande. Adicione suco de um limão e despeje 2 litros de água fervente, mexa e escorra a água. Coloque o frango em uma panela grande e tempere com todos os condimentos, exceto o cheiro verde, mexa, tampe a panela e deixe repousar por 30 minutos. Passado o tempo, leve ao fogo baixo e cozinhe até que a carne esteja macia. Junte a quirera reservada, o coentro e a cebolinha bem picadinhos, mexa, deixe ferver e sirva em seguida.

Dicas:

O frango usado para essa receita pode ser inteiro ou coxa e sobrecoxa.

   dsc08836   dsc08842

Bom apetite!

Maria Sônia

Frango de boteco

Receita perfeita para no calor do verão acompanhar uma cerveja ou uma salada para os mais lights. Não absorve óleo, fica sequinho por fora e suculento por dentro, não deixe de provar esse frango no melhor estilo boteco!

Ingredientes:

1 kg de coxas de frango

1 e ½ litro de água

1 folha de louro

1 colher de sopa de sal

4 dentes de alho

Alecrim fresco a gosto

½ litro de óleo para a fritura

Modo de preparo:

Leve ao fogo uma panela com a água e todos os ingredientes, exceto o frango e o óleo. Quando ferver, adicione o frango já limpo e deixe cozinhar por uns 20 minutos ou até que a carne esteja macia, mas não muito cozida. Escorra sobre o escorredor de macarrão dispensando o caldo do cozimento, mantenha as coxas no escorredor, reserve. Leve ao fogo uma panela com o óleo, quando estiver quente, frite o frango até que esteja dourado, retire com o auxílio de uma escumadeira colocando sobre papel toalha. Sirva quente ou à temperatura ambiente.

Dicas:

Deixe as coxas escorrerem bem antes de fritar para evitar salpicar óleo ao fritá-las.

   dsc08603

Uma delícia!

Maria Sônia

Tender com massa folhada ao molho de cereja

É tradicional envolver bife bovino (bife Wellington) ou peixe (Coulibiac) em massa folhada, inove seu tender neste Natal usando esta técnica de preparo que enriquecerá seu prato sem maiores gastos ou dificuldades de preparo! Espero que aprove!

Ingredientes:

1 tender de 1,5 kg

Cerejas frescas (10 para o molho e algumas para decoração)

50 ml de conhaque

1 colher de sopa de pasta ou molho de mostarda

1 colher de chá de gengibre ralado

Pimenta do reino moída a gosto

Raspas de ½ laranja

400 g de massa folhada (usei Arosa)

2 colheres de sopa de café misturadas com 1 colher de sopa de leite ou uma gema (para pincelar)

Modo de preparo:

Reserve o tender, a massa folhada, a mistura para pincelar e algumas cerejas para decorar. Bata todos os outros ingredientes no liquidificador para obter um molho. Coloque o tender em um bowl, despeje por cima o molho adquirido, cubra o bowl com um plástico e guarde na geladeira por 24 horas, virando o tender várias vezes para que todas as partes fiquem em contato com o molho. Passado o tempo, retire o tender da geladeira (reservando o restante do molho) embrulhe-o em papel alumínio e leve-o ao forno alto preaquecido por 20 minutos. Retire do forno, desembrulhe e deixe esfriar por 30 minutos. Abra a massa seguindo as instruções da embalagem, no tamanho aproximado de 30 x 40 cm. Para a decoração de porquinho, utilize as rebarbas da massa: corte 2 pequenos triângulos para as orelhas, um pequeno círculo para o focinho e uma tira de massa para o rabo. Coloque o tender no centro da massa e feche dobrando a massa como um embrulho para presente, faça 2 pequenos furos na massa abaixo das dobras para sair o vapor. Pincele com um pouco de água os triângulos, o círculo e a tira e grude-os sem apertar para formar o rosto e o rabo do porquinho. Para fazer os olhos, use cravo, pimenta do reino etc. Pincele por completo com a mistura para pincelar, leve para assar em forno preaquecido a 180° graus até que a massa esteja dourada, retire do forno, reserve por 20 minutos e fatie-o. Adicione uma colher de chá de maisena ao molho que reservou e leve-o ao fogo mexendo sempre até engrossar. Sirva quente acompanhado de farofa, arroz ou do que desejar.

   dsc08463   dsc08466

   dsc08478   dsc08492

Feliz Natal!

Maria Sônia

Linguiça caseira

Muitas pessoas imaginam que preparar linguiças caseiras é trabalhoso e não vale a pena, enganam-se! O processo é simples e fácil e o produto final obtido está temperado a seu modo, contendo as carnes que você mesmo selecionou, sem a adição de corantes, aditivos químicos ou conservantes, ou seja, é o melhor que se pode proporcionar em questão de sabor, saúde e exclusividade. Não deixe de testar a receita e aprová-la!

Ingredientes:

500 g de carne bovina de 1ª

500 g de lombo de porco

300 g de toucinho

1 metro de tripa

1 cebola grande

3 dentes grandes de alho

1 e ¼ colher de sobremesa de sal

1 colher de chá de páprica picante

1 colher de chá de pimenta calabresa em pó

1 colher de sopa de salsa desidratada

1 colher de chá de sálvia

Pimenta do reino moída na hora

1 pitada de louro em pó

1 pitada de gengibre em pó

Modo de preparo:

Pique as carnes com faca bem picadinhas ou triture-as grosseiramente. Junte os temperos às carnes em um bowl, misture bem e reserve. Hidrate a tripa por 30 minutos, retire da água, faça um nó em uma das pontas da tripa e encha-a com a carne reservada, cuidadosamente para não romper a tripa e o recheio extravasar. Quando terminar de encher, finalize amarrando a outra ponta.

Dicas:

  • Caso use tripas frescas, amarre os extremos com linha de costura, fica mais fácil.
  • Se você não possuir a máquina específica para encher as linguiças, encha-as com um funil. Introduza o funil na tripa, coloque a  carne e empurre-a com o cabo de um pão duro. Quando prepara-se pouca quantidade, a máquina não agrega facilidade, pois retém muita matéria prima, dificultando a limpeza.
  • Deixe as carnes no congelador por meia hora antes de processá-las. Coloque também o moedor no congelador, se for usá-lo, para evitar que a gordura se desmanche.
  • Como qualquer linguiça convencional, a linguiça caseira pode ser frita, assada e congelada.

    dsc01667   dsc01669

   dsc01656   dsc01658

Incomparável!

Maria Sônia

Frango ao molho de tamarindo

A carne de frango é mais versátil do que a maioria pensa, com a variação de molhos e modos de preparo, há infinitas possibilidades! Desta vez, resolvi experimentar um molho de tamarindo. Gostei bastante, prove e me conte se gostou também!

Ingredientes:

6 sobrecoxas de frango

Suco de um limão

1 litro de água fervente (para escaldar o frango)

3 colheres de sopa de óleo

2 dentes grandes de alho

1 xícara de água (para a cocção)

3 colheres de sopa de polpa de tamarindo (veja como obter a polpa do tamarindo nessa receita: https://mariamestrecuca.wordpress.com/2016/01/05/doce-de-abobora-com-tamarindo/)

2 colheres de sopa de shoyu

½ colher de chá de sal

2 colheres de sopa de açúcar mascavo

2 colheres de sopa de maisena diluída em ½ xícara de água

½ maço de coentro e cebolinha picado

Modo de preparo:

Limpe o frango, remova a pele (opcional) coloque-o em um bowl, adicione o suco de limão e despeje por cima a água fervente, mexa e escorra dispensando a água, reserve o frango. Em uma caçarola, aqueça as duas colheres do óleo e doure o frango de ambos os lados, mantenha a panela em fogo baixíssimo. Em outra panela pequena, junte o restante do óleo e doure o alho bem picadinho, adicione o açúcar e deixe dourar mais um pouco, adicione o shoyu, o sal, a polpa de tamarindo e uma xícara de água. Quando ferver, despeje esse molho sobre o frango, cubra a caçarola e deixe cozinhar até que esteja macio. Quando estiver, dissolva a maisena em ½ xícara de água e misture ao molho do frango mexendo bem para não formar grânulos. Adicione o coentro e a cebolinhas picados, mexa, retire do fogo e sirva quente.

Dicas:

Você pode servir essa receita de frango com polenta de milho verde, arroz ou purê de batatas.

   dsc01741

Não deixe de provar!

Maria Sônia

Bife de pernil suíno ao molho de laranja

O bife de pernil é uma carne leve, sem gordura e de sabor delicado se bem preparada, por isso é importante que se use condimentos e especiarias de forma equilibrada de modo a extrair o ápice de sabor, aroma e cor desse corte. Bom apetite!

Ingredientes:

1 kg de bifes de pernil

1 colher de sopa de folhinhas frescas de alecrim

1 colher de chá de sal

1 colher de sopa de óleo

1 xícara de suco de laranja

1 colher de sopa de açúcar de coco

1 pedaço de gengibre fresco

1 e ½ colher de sopa de farinha de trigo

4 cebolas médias (opcional)

Modo de preparo:

Macere as folhinhas de alecrim com o sal, em seguida, passe a mistura obtida nos bifes, de ambos os lados, e deixe-os descansar por 20 minutos. Passado o tempo indicado, leve ao fogo uma caçarola com o óleo e deixe aquecer, doure os bifes aos poucos de ambos os lados, retirando-os da caçarola e reservando-os em um prato. Terminado esse processo, coloque-os de volta à caçarola, adicione o suco de laranja, o gengibre e o açúcar, reduza o fogo e cozinhe por 25 minutos, adicione as cebolas descascadas e inteiras, continue cozinhando até que a carne e as cebolas estejam macias. Com o auxílio de uma escumadeira, retire os bifes e as cebolas da caçarola e arrume-os em um refratário aquecido, dissolva a farinha de trigo em 4 colheres de sopa de água, junte ao molho da carne que ficou na caçarola, leve ao fogo para reduzir esse caldo, mexendo sempre, para formar um molho grosso, regue os bifes e sirva em seguida.

Dicas:

Se caso durante o cozimento todo o molho da carne tiver secado, não faz mal, é só você dissolver a farinha na água, adicionar mais ½ xícara de suco de laranja e proceder como indicado.Raspe o gengibre, removendo a “pele” antes de adicioná-lo à carne. Servi com purê de batata doce roxa.

   dsc01495   dsc01498

Sabor inesquecível!

Maria Sônia

Bisteca suína com molho de amoras

Normalmente a carne de porco é servida com molhos, combina perfeitamente com molhos agridoces à base de frutas como laranja, amora, pêssego, abacaxi etc. Aprenda a preparar uma bisteca simples que surpreende pela combinação com um molho rápido de amoras. Não deixe de provar!

Bisteca

Ingredientes:

4 bistecas suínas grandes

Alecrim fresco a gosto

1 colher de chá de sal ou sal grosso a gosto

Modo de preparo:

Macere o alecrim com o sal, passe sobre as bistecas em ambos os lados, reseve-as uma sobre a outra em um bowl coberto por 30 minutos (caso deixe por mais tempo, ponha na geladeira). Passado o tempo indicado, grelhe as bistecas e sirva imediatamente.

Molho

Ingredientes:

1 xícara de amoras frescas maduras

Suco de ½ limão

2 colheres de azeite extra virgem

Cebolinha picada

Pimenta do reino moída na hora a gosto

Modo de preparo:

Amasse as amoras em um bowl, adicione os outros ingredientes, mexa bem. Esta pronto para servir.

Dicas:

Para acompanhar essa bisteca com molho exótico, recomendo purê de batata doce ou de bananas da terra.

   dsc01564   dsc01558

   dsc01557

Indescritível!

Maria Sônia