Biscoitos de castanhas de Munguba (falso cacau)

Procurei em livros e na internet receitas que utilizassem castanhas de Munguba, conhecidas como falso cacau, mas não encontrei nenhuma. Resolvi fazer, entre leite vegetal e farinha, deliciosos biscoitinhos! Espero que aprove!

Ingredientes:

200 g de farinha de trigo

1 xícara de castanhas de Munguba

100 g de açúcar refinado

100 g de margarina

¼ de colher de café de cardamomo em pó

1 colher de café de fermento em pó

Modo de preparo:

Corte as pontinhas da pele das castanhas, coloque as castanhas em uma assadeira, leve para assar em forno alto até a pele ficar dourada. Depois de assadas e frias, remova as peles, bata-as no liquidificador, reserve. Em um bowl, bata um pouco a margarina, em seguida, adicione o açúcar, as castanhas reservadas, a farinha, o cardamomo e o fermento, misture tudo rapidamente com a mão e deixe a massa descansar por 1 hora em lugar frio ou na geladeira. Após a massa descansar, abra-a em uma superfície na espessura de ½ cm, corte os biscoitos no molde desejado, leve-os para assar em forma sem untar, em forno médio até dourarem.

Dicas:

É importante que as pontas das castanhas sejam cortadas para evitar que elas estourem dentro do forno quando estiverem assando. Assadas com a pele e logo após serem colhidas, ou seja, antes que estejam totalmente secas, ficam com um sabor semelhante ao da castanha portuguesa.

   DSC06911   DSC06899

   DSC06896

Castanha surpreendente, biscoitos deliciosos!

Maria Sônia

Anúncios

Leite vegetal de castanhas de Munguba (falso cacau)

Esta receita de leite vegetal utiliza castanhas de Munguba, conhecidas popularmente como falso cacau, pouco aproveitadas na culinária, mas que são ricas nutricionalmente. Tem sabor parecido com o do leite vegetal de amendoim, pode ser usado no preparo de receitas doces e salgadas, substituindo o leite de vaca. Para os intolerantes à lactose, veganos e curiosos em geral. Espero que goste!

Ingredientes:

1 xícara de castanhas sem pele

½ litro de água

Modo de preparo:

Bata os ingredientes no liquidificador, leve ao fogo para ferver, deixe esfriar e coe em um coador ou peneira bem fina. Está pronto!

Dicas:

Após batido deve ser fervido para que o leite não oxide e escureça.

   DSC06916   DSC06897

   DSC06896   2015-02-21 11.01.09

Versátil!

Maria Sônia

Farinha de castanha de Munguba (falso cacau)

Citada no livro “Colecionando Frutas”, do escritor Helton Josué Teodoro Muniz, a Munguba (Pachira aquatica), nativa dos estuários das margens inundáveis dos rios da Amazônia, usualmente identificada como falso cacaueiro, é uma árvore ornamental muito usada em reflorestamento de parques e praças. Da qual podem ser extraídas castanhas que infelizmente são pouco ou quase nada conhecidas na nossa atualidade, já que outrora elas foram exploradas pelos índios e por nossos colonizadores. De acordo com análises laboratoriais, as castanhas são riquíssimas em nutrientes, sais minerais e proteína. Podendo ser consumidas cruas, cozidas, torradas (com ou sem a pele), obtendo-se sabor diferenciado de acordo com o modo de preparo. Cruas se assemelham a amendoim, cozidas parecem castanha portuguesa e assadas sem a pele lembram torresmo (por mais estranho que pareça). Preparei, além da farinha, leite vegetal e biscoitos.

Ingredientes:

Castanhas na quantidade desejada

Modo de preparo:

Remova a pele das castanhas ainda cruas, leve-as ao forno em assadeira e asse até dourar, retire do forno, deixe esfriar, prepare a farinha batendo as castanhas no liquidificador ou processador.

Dicas:

A farinha obtida pode ser usada em preparos de receitas doces ou salgadas.

   DSC06918   DSC06917

   DSC06896

Muitos sabores e opções de preparação!

Maria Sônia