Hambúrguer vegano com beterraba

O veganismo é um estilo de vida baseado em uma dieta sem consumo de qualquer derivado animal (carne, leite, ovos etc.). Uma nova tendência do mercado são os hambúrgueres veganos que possuem aparência e, por vezes, até sabor de carne, de modo a conquistar mais adeptos a esse estilo alimentar e fornecer produtos prontos a esse público que vem crescendo cada vez mais. Sabemos que o consumo de carne tem grande impacto sobre o meio ambiente e também, sobre o nosso organismo. Então, convido você a provar essa deliciosa receita, se permitindo a redescobrir sabores e  provar opções sustentáveis. A receita é, como sempre por aqui, rápida e econômica.

Ingredientes:

1 beterraba grande

1 colher de sopa de óleo

2 dentes de alho

2 xícaras de grão de bico cozido

1 xícara de quinoa em flocos

2 colheres de sopa de goma para tapioca

Condimentos: salsa, segurelha, pimenta dedo-de-moça (sem as sementes, alecrim e manjericão, tudo a gosto

Modo de preparo:

Em uma frigideira teflonada, coloque a colher de óleo, a beterraba descascada e fatiada e o alho, reduza o fogo pra baixíssimo como se fosse desligar e cubra, passado 5 minutos, vire as fatias e cozinhe até que estejam macias  (não muito). Em um bowl, amasse metade do grão de bico, adicione os condimentos e a quinoa e misture, reserve. No copo do liquidificador, junte a outra xícara de grão de bico e a beterraba, bata rapidamente. Em seguida, junte o batido ao grão de bico reservado no bowl e amasse com as mãos. Sobre uma superfície forrada com filme plástico, deite a massa obtida, dobre o plástico por cima da massa e abra-a com o rolo de macarrão numa espessura não muito fina, molde os hambúrgueres e, com o auxílio de um pão duro, vá colocando-os em uma assadeira untada com um pouco de óleo e leve-os ao congelador. Após estarem congelado, você pode retirá-los da assadeira e mantê-los conservados no congelador. Para prepara para o consumo, basta fritar em uma assadeira refratária untada com óleo ou azeite ou assarem assadeira forrada com papel manteiga untado.

Dicas:

O modo como usei a beterraba dá a cor semelhante à carne e um sabor delicioso aos hambúrgueres, o sabor da beterraba não fica acentuado nem predominante, esse é o segredo do preparo!

Você pode preparar kafta (espetinhos tradicionais da culinária árabe originalmente preparados com carne moída) com a massa base desses hambúrgueres veganos, faça porções em palitos para churrasco, em seguida, pincele com um pouco de óleo para não grudarem, asse no forno ou na churrasqueira.

Sensacional!

Maria Sônia

Salada agridoce de batata doce e maçã verde

Comer salada todos os dias é um hábito saudável, mas pode acabar levando a uma rotina com a perda do interesse pelo prato. Por isso, é importante variar! Que tal provar uma maravilhosa salada agridoce que leva como ingredientes principais a batata doce e a maçã verde?

Ingredientes:

1 kg de batata doce roxa

2 maçãs verdes (Granny Smith)

50 g de azeitonas pretas

50 g de azeitonas verdes

1 cebola grande

½ maço de cheiro verde

1 ½ xícara de maionese

Modo de preparo:

Coloque as batatas em uma panela de pressão, coloque 1 e ½ xícara de água na panela, feche a tampa, leve ao fogo e cozinhe por 5 minutos, contando o tempo após a panela pegar pressão. Desligue o fogo e aguarde a pressão sair naturalmente. Retire as batatas da panela, quando amornar, descasque, corte-as em pedaços pequenos colocando-os em um bowl de louça ou vidro, junte as maçãs picadas, as azeitonas, a cebola, o cheiro verde bem picadinho, junte a maionese e misture bem.

Dicas:

Não adicionei sal a essa receita, mas fica a seu critério.

Procure descascar as batatas com elas o mais quente possível, assim, na mistura com os outros ingredientes, os sabores e perfumes se misturam melhor.

 

Saudável e deliciosa!

Maria Sônia

Cuca especial de maçã com doce de leite

Cucas são um símbolo de lanche da tarde gostoso! Quentes, recém saídas do forno, são ótimas para esquentar e confortar no inverno; quando servidas em temperatura ambiente, conseguimos aproveitar melhor os sabores e texturas e vão muito bem com um cafezinho. Na estação que preferir e do jeito que for, não deixe de provar essa deliciosa cuca de maçã com doce de leite!

Recheio

Ingredientes:

5 maçãs gala médias

1 xícara de uvas passas

2 colheres de sopa de rum

200 g de doce de leite

Modo de preparo:

Lave, remova os talos e as sementes e pique as maçãs em pedaços pequenos, coloque-os em um bowl, junte as uvas passas, o rum e duas colheres de sopa do doce de leite, mexa bem, reserve.

Massa

Ingredientes:

500 g de farinha de trigo

1 xícara de fubá mimoso

½ colher de sopa de canela em pó

1 xícara de açúcar

2 gemas

50 g de margarina

2 colheres de sopa de óleo

1 colher de sopa de fermento químico

Modo de preparo:

Em um bowl, bata as gemas com o açúcar e a margarina até obter um creme, adicione o óleo, a farinha peneirada com o fubá, o fermento e a canela em pó e mexa, adicionando o leite aos poucos, reserve.

Farofa

Ingredientes:

5 colheres de sopa de farinha de trigo

3 colheres de sopa de fubá

4 colheres de sopa de açúcar cristal

3 colheres de sopa de margarina

1 colher de sopa de óleo

Modo de preparo:

Em um bowl pequeno, misture bem todos os ingredientes e reserve.

Montagem e finalização

Forre uma forma de aro/ fundo falso com papel manteiga e em seguida unte-a com margarina e polvilhe com uma mistura de fubá (2 colheres de sopa) com açúcar cristal (2 colheres de sopa) e canela (½ colher de sopa). Deite metade da massa no fundo da forma, distribua metade do doce de leite e metade do recheio e por cima o restante da massa, o restante do doce de leite e o restante do recheio. Finalize com a farofa. Leve para assar em forno médio preaquecido por aproximadamente 50 minutos.

Dicas:

As colheres de doce de leite colocadas nas maçãs logo após cortadas evita que escureçam.

Maravilhosa!

Maria Sônia

Doce de tamarindo com banana

O tamarindo por ter uma polpa bastante consistente e um sabor doce e ácido, quando combinado com frutas que contém massa, como a banana, resulta em doces maravilhosos, de corte ou de colher. Experimente!

Ingredientes:

400 g de tamarindo (vagens pesadas com as cascas)

1 e 1/2 kg de banana nanica madura ou batata doce

1 kg de açúcar cristal (União)

Modo de preparo:

Remova as cascas do tamarindo (colocando-os em um bowl) em seguida, lave-os rapidamente para remover qualquer impureza das cascas, ponha de volta no bowl junto com 500 ml de água e deixe hidratando de um dia para outro. No dia seguinte, ponha os tamarindos em uma panela e leve ao fogo por uns 10 minutos, caso seja necessário, adicione mais um copo de água e mexa continuadamente. Retire do fogo, despeje em uma peneira sobre um bowl, pressione com o auxílio de um pão duro ou espátula até remover toda a polpa, reserve. Lave as bananas e descasque-as, reserve as bananas, pique as cascas e ponha-as em uma panela com água suficiente para cobri-las, leve ao fogo e deixe ferver por uns 5 minutos, escorra dispensando a água do cozimento, bata no liquidificador com 200 ml de água e despeje em uma panela alta (tipo caldeirão), junte a polpa das tamarindos, as bananas e o açúcar. Cozinhe o doce em fogo baixo mexendo de vezes em quando até desgrudar do fundo da panela, despeje em uma forma levemente untada com um pouco de óleo e deixe o doce secar por uns dois dias coberto com um tule ou tela fina. Caso opte por um doce de colher, retire-o do fogo ao adquirir a consistência desejada. Bom apetite!

Dicas:

Esse doce costuma salpicar bastante durante o cozimento, por isso é recomendado cobrir a panela com um pano de prato limpo e umedecido para evitar qualquer tipo de acidente, prenda as bordas da toalha nas alças da panela. Caso opte usar a batata doce, cozinhe-a normalmente, descasque e passe-as pelo espremedor de batatas.

   DSC06260    DSC06258

   DSC06261

Descubra esse sabor!

Maria Sônia

Doce de tamarindo com leite condensado

Tamarindo não é muito conhecido e usado no Brasil, mas é encontrado com uma certa facilidade em algumas feiras livres, principalmente agora que é sua época. Originário da África e muito cultivado na Índia tem um sabor único e é rica fonte de vitaminas e minerais. Esse doce é simples de ser feito, ótimo recheio também.

Ingredientes:

450 g de tamarindo (vagens)

1 lata de leite condensado

½ xícara de açúcar cristal (União)

2 xícaras de água

Modo de preparo:

Remova as cascas das vagens, ponhas todos os bagos em uma panela, acrescente 1 e ½ xícara de água e leve ao fogo. Quando começar a  ferver, reduza o fogo e deixe cozinhar por 10 minutos, retire do fogo e deixe esfriar. Depois de frio, junte uma xícara de água fria e amasse com a mão. Despeje em uma peneira sobre um bowl e, ainda com a mão, vá amassando e pressionando sobre a peneira até remover toda a polpa, ponha-a de volta à panela, adicione o leite condensado, o açúcar e leve ao fogo baixo, mexendo sempre até o doce desgrudar do fundo da panela.

Dicas:

Caso queira o doce ainda mais doce é só acrescentar mais açúcar.

   doce tamarindo (2)   doce tamarindo (3)   doce tamarindo

Espero que tenha gostado do post!

Maria Sônia